Polícia investiga graves ameaças contra ministério de Billy Graham

O ministério do famoso evangelista Billy Graham vem recebendo ameaças pela internet desde abril.

19-06-2017 | Atualizada em 19/06/2017 10:51

Billy Graham em documentário.

Billy Graham durante documentário.

A Associação Evangelística Billy Graham tem recebido graves ameaças que já estão sendo investigadas pela polícia. Segundo informou as autoridades, as ameaças contra a Associação fundada pelo famoso evangelista Billy Graham partiram da internet.

“A Associação Evangelística Billy Graham comunicou as autoridades sobre ameaças que vem recebendo através de comentários da internet”, disse o porta-voz da Associação.

As ameaças contra o ministério de Billy Graham acontece desde 11 de abril, segundo os investigadores da polícia de Charlotte, do estado da Carolina do Norte, Estados Unidos.


Programa Teologia Para Todos faz sucesso na internet com Curso Livre de Bacharel em Teologia Online


“Como esta é uma investigação em curso, adiantamos que não poderemos dar mais detalhes para evitar eventual prejuízo às investigações”, informa o porta-voz.

A Associação Evangelística Billy Graham se tornou referência no mundo todo devido ao trabalho evangelístico e social desenvolvido em diversos países.

Atualmente a Associação Evangelística Billy Graham é comandada por dois dos cinco filhos de Billy, Franklin Graham e Anne Graham Lotz.

Devido à idade avançada o evangelista Billy Graham tem se dedicado exclusivamente a responder perguntas de admiradores do seu ministério.

Boicote e ameaças

Líderes cristãos do Canadá promoveram um boicote contra Franklin Graham no mês de fevereiro devido as suas declarações contra gays e suas criticas contra o radicalismo islâmico.

Desde o boicote as ameaças contra os integrantes da Associação Evangelística Billy Graham vem crescendo.

Franklin Graham também é criticado por ter apoiado o presidente eleito Donald Trump. Com informações Hello Christian.

SEU COMENTÁRIO