Billy Graham fala sobre a maneira mais eficiente de evangelizar um ateu

Fundador da Associação Evangelística Billy Graham, afirma que embate com ateus é menos eficiente que uma vida de testemunho cristão.

25-09-2016 | Atualizada em 11/10/2016 15:17

Evangelista Billy Graham, fundador da Associação Evangelística Billy Graham.

Com aproximadamente 25% da população americana, o ateísmo tem crescido ano após ano, tanto nos Estados Unidos como no mundo. No entanto, para o renomado evangelista Billy Graham, o embate com esse grupo não é a melhor maneira de combater o crescimento do ateísmo.

Fundador da Associação Evangelística Billy Graham, um ministério que se tornou referência no mundo todo, Graham acredita que a oração é a melhor ferramenta para que Deus permita situações em que os ateus tenham experiências com Jesus Cristo.

Aos 97 anos, Billy Graham afirma que o ateu precisa enxergar Deus fora da religião organizada. Isso só é possível através do testemunho de paz e alegria que os cristãos devem transmitir. Graham afirmou ainda que somente Deus pode mudar o coração de um ateu.


Programa Teologia Para Todos faz sucesso na internet com Curso Livre de Bacharel em Teologia Online


Billy Graham abordou o assunto em sua coluna no jornal Kansas City Star, respondendo a pergunta de um leitor que dizia: “Meu melhor amigo e eu desfrutamos da companhia um do outro, mas eu sou um cristão e ele diz que é ateu. Eu tentei discutir sobre isso com ele, mas ele apenas ri e diz que eu deveria crescer e me esquecer de Deus. Como posso fazê-lo mudar de ideia?”, perguntou.

O respeitado evangelista alertou que é impossível alguém convencer um ateu sobre a existência de Deus. Para Graham somente Deus pode mudar a visão de um ateu sobre a existência de uma divindade. “Ele [Deus] pode conquistar até mesmo o coração mais teimoso”, disse Billy Graham.

“A coisa mais importante que você pode fazer é orar, pedindo a Deus para mostrar-lhe os seus pecados e seu orgulho, além de convencê-lo sobre sua necessidade de Cristo”, disse.

Em suas cruzadas evangelísticas ao redor do mundo, organizadas desde 1948, Billy Graham já alcançou uma audiência direta de quase 210 milhões de pessoas em 185 países. A primeira cruzada evangelística foi realizada na Austrália, em 1959.

Nenhum pregador na história alcançou uma audiência como a de Graham, sendo que em 2008 a audiência de seus programas de rádio e televisão já haviam superado 2,2 bilhões de pessoas ao redor do mundo.

Ainda sobre o tema ateísmo, o renomado evangelista, que já foi conselheiro espiritual de vários presidentes americanos, disse que através da oração Deus permitiria que a vida viesse a ser um testemunho para o ateu.

“Seja uma testemunha da paz e da alegria de Cristo. As pessoas podem argumentar contra o que dizemos, mas elas não podem argumentar contra a realidade de uma vida que foi transformada por Cristo”, acrescentou o evangelista.

SEU COMENTÁRIO